Por descontentamento pela falta de apoio, Presidente e vice-presidente do Solidariedade em Lagoa Grande, deixam o partido

O Partido Solidariedade no município buscou ao longo desses dois mesmo sem apoio, durante a eleição e depois dela. Os dirigentes locais articularam junto ao partido a nível de estado e em 10 junho de 2017, realizaram um café da manhã onde estiveram presentes várias lideranças políticas, movimentos sociais e associações de produtores do município.
No evento esteve presente o deputado Augusto Coutinho (SD), que assumiu vários compromissos com as lideranças do município, no entanto ao longo desses 5 meses o deputado ignorou os compromissos e as lideranças partidárias do município. Além da falta de apoio do partido durante a eleição em 2016, o deputado se reuniu com lideranças do PSB, PRB e outra liderança sem partido, para tratar do pleito de 2020, essa postura foi o estopim que faltava as lideranças locais deixarem a legenda.

Em conversa com o vice-presidente Milson César ele deixou claro que sua “intenção de entrar na política nunca foi para adquirir e/ou procurar um meio de vida, graças a Deus tenho como me manter, trabalho há muitos anos e não depende de política absolutamente para nada, quando digo não depende quero dizer que cargos e/ou indicação, na verdade eu entrei na política com intenção verdadeiramente fazer representar, e defender aqueles que confiarem em mim através do seu voto, apesar que as coisas estão cada vez complicada no cenário Nacional e o desmantelo é grande mas a gente de certa forma não desanima e podemos deixar levar por isso daí, não podemos perder a esperança, temos que acreditar que ainda haja homens capazes, homens dignos homens e honestos e esclarecidos”. Disse Milson.

Já a presidente Edenice Chagas afirma que “já vinha descontente há muito tempo com o partido pela falta de apoio que deram na eleição, por outro lado com Bruno Medrado ele chamou a gente fez planos e disse que que vinha há Lagoa Grande fazer reunião ia nos assentamentos com a gente conversar com pessoal para manter um maior envolvimento com as liderança, para que pudesse melhorar a vida dos trabalhadores dos Agricultores Sem Terra então ele falou muita coisa só que falou sumiu, desapareceu quando a gente ligava não atendia e desta forma é difícil fazer política e manter as lideranças”.

Apesar da presidente acha justo que ele busque apoios políticos mas a forma com querem; eles o fizeram e foi errada “ao invés deles nos procurarem; eles se dirigiram com Bruno Medrado à sede do partido em Recife, eu fiquei magoada por causa disso, eles não me procurou, faz poucos dias que o ex-candidato a vice prefeito mandou uma mensagem via sapp, querendo mim encontrar para verificar o partido como se já fosse o presidente do partido, que aliás eu não sei nem te dizer se hoje ele é ou não o presidente do solidariedade”. Afirma Edenice.(Blog Diário Popular)

LAGOA GRANDE-PE: Efetivo da 7ª CIPM prende quatro pessoas e apreende três armas de fogo na PE 122

 

A Equipe da Operação Papai Noel, foi acionada pela Central de Rádio de Lagoa Grande, informando que 04 elementos em duas motocicletas em atitude suspeita, tomara destino ao Distrito de Jutaí.

O efetivo da operação Papai Noel, com apoio da Operação Polígono de Jutaí partiram em diligências pela PE 122, onde avistaram as duas motocicletas paradas as margens da rodovia ao realiza a abordagem foi encontrado com os elementos três armas abaixo descritas, razão pela qual todos foram conduzidos à DP de Cabrobó, onde foram autuados em flagrante delito.

ARMAS APREENDIDAS:

  • 01 (um) Revólver, Cal. 38, Taurus, n° KC422795;
  • 01(um) Revólver, Cal. 38, Rossi, n° E294259;
  • 01(um) Revólver, Cal. 38, Taurus, n° 823272.
  • 27 (vinte e sete) munições de calibre .38.

ACUSADOS

  • José Maria Cavalcante dos Santos, 31 anos;
  • Cícero Cavalcante dos Santos, 38 anos, operador de máquina;
  • José Iran Silva de Caldas, 20 anos, operador de máquina;
  • Francisca Valdirene de Souza Alves, 19 anos, estudante.

MAJ QOPM COSTA
Comandante da 7ª CIPM

CAP QOPM MAGNES

Subcomandante

Vereadores Edneuza Lafaiete e Fernando Angelim demonstrando não saber lidar com imprensa, desclassificam e diz que denúncia da saúde divulgada pelo Lagoa Grade Noticias foi irresponsável

Imagem1vvv

Nesta semana o Lagoa Grande Notícia postou a denúncia de um paciente e que o mesmo se queixava que no último sábado(09) sua esposa esteve na CEAME para realizar uma ultrassom e o médico não teria comparecido por falta de pagamento, segundo ele.

Diante da denúncia, a vereadora da situação Edneuza Lafaiete e o vereador Fernando Angelim(PPS) não gostaram em nada e, na sessão desta terça(12), trataram de fazer uma longa e curvada defesa, respondendo em nome da Secretaria de Saúde classificando a postagem como irresponsável, onde a vereadora Lafaiete tachou  o blog de querer se aparecer.

Em seu discurso o mais estranho, é que após a defesa, a parlamentar afirmou ter tido acesso ao contracheque do médico e, que estaria de posse do mesmo.

Confira trechos do discurso da vereadora:

“E essa semana ontem, eu vi uma postagem no blog onde dizia que o…Bronca na saúde, os pacientes fica esperando o médico e ele não comparece, por falta de pagamento”.

Relatando novamente o título da postagem, Edneuza Lafaiete disse ter ido até a funcionária do setor responsável pelos pagamentos.

“(cita nome da funcionária) Eu vim aqui verificar me mostre, o médico não veio por falta de pagamento? Ela puxou e me deu, (cita outro funcionário) diz, não o contracheque dele tá lá”, disse a vereadora.

De acordo com as palavras da vereadora Lafaiete, a falta do médico não teria sido por falta de pagamento e, que o mesmo faz toda semana de 40 a 50 ultrassons, onde estaria terminando com a demanda do município.

Em outro trecho a vereadora classificando como irresponsável a denúncia do paciente, e faz o seguinte relato:

“(…) então vamos colocar também se achou uma falha, vamos ter responsabilidade, por que não foi por falta de pagamento, eu tenho contracheque do homem”,

A vereadora disse ainda que qualquer vereador pode ir verificar o pagamento na secretaria ou no hospital.

De acordo com as palavras da vereadora Lafaiete, a falta do médico não teria sido por falta de pagamento e, que o mesmo faz toda semana de 40 a 50 ultrassons, onde estaria terminando com a demanda do município e que a falta do médico naquela unidade de saúde teria sido devido o carro do mesmo ter quebrado não dando tempo para o profissional chegar para o atendimento.

Outro que demonstrou não saber lídar com o trabalho da imprensa, sendo um vereador de primeiro mandato, foi Fernando Angelim(PPS) que também adotou a mesma figura da sua colega vereadora.

Em seu discurso Angelim lamentou e disse que a matéria foi equivocada e irresponsável.

“E infelizmente lamentar, essa matéria que a informação ela foi equivocada, ela foi de maneira irresponsável, transmitir a população uma informação errada”, criticou o vereador Fernando Angelim.

De acordo com o vereador Fernando Angelim, o mesmo afirmou que de certeza a saúde desse município, desde que nosso secretário Italo assumiu, sempre cresceu.

Comentário do Blog:

“O Blog Lagoa Grande Notícia, tem feito sua parte enquanto imprensa e tem sido reconhecido pelos seus leitores e população diante dos elogios recebidos e reconhecido pelo número de acessos que tem tido por parte dos seus leitores.

Esse é um trabalho que vem sendo feito ao longo de quase 9 anos e que tem tido credibilidade perante a população e tem conseguido atingir chegando a altas camadas no estado de Pernambuco, por meio das notícias veiculadas, tanto boas como ruins, como é feito pela imprensa no geral.

Pelo seu tempo e que já se encontra credibilidade na informação, este veículo de comunicação não precisar forjar, mentir, manipular, ser irresponsável ou fazer qualquer manobra em termos de informações para querer aparecer.

Infelizmente pelo tom de discurso e a postura direcionada pelos dois vereadores não somente a esta postagem, como a outras, ambas já criticadas, demonstra o despreparo para lidar com a imprensa, no caso da vereadora Lafaiete esta mesma imprensa a qual deu nome e publicidade um dia e que apenas serve e é considerada responsável quanto se trata de elogiar.

A postura de tais parlamentares enquanto isso, se torna equivocada, erronia e descabida ao deixar sua função de fiscalizadora para se transformar em acessória de comunicação, em defesa de um governo, função esta para a qual não foram eleitos. Se divulgar os reclames da população for ser irresponsável, seremos irresponsáveis sempre, pois nosso trabalho é para o povo e com o povo.

Neste caso estranho é saber que o contracheque de qualquer servidor pode ir parar nas mãos de pessoas e o que diz a lei… “Em essência, as informações constantes nos contracheques dos servidores tem caráter pessoal e são, portanto, informações protegidas da curiosidade gratuita ou malévola de outros particulares (arts. 6º., III e 31, §1º, I, da Lei n. 12.527/2011). Não constituem informações de interesse público, sendo o seu acesso, portanto, restrito”.

E discurso mal proferido crítico e direcionado a este blog, por quem quer que seja, e onde for, político ou não, jamais afetará, agora se posicionar contras as críticas e reivindicação do povo, isso jamais faremos, porque estamos fazendo o nosso papel enquanto imprensa, o mesmo que deveria fazer todos os políticos”.

 

Lafaiete e o grupo Amorim juntos no campo oposicionista

DSC05285

A vereadora Edneuza Lafaiete (PTB) que faz oposição no município ao grupo do ex-prefeito Robson Amorim (PSB) agora vai unir forças no mesmo palanque das oposições ( Senadores Armando Monteiro e Fernando Bezerra Coelho) para derrotar o projeto de reeleição do governador Paulo Câmara (PSB).

Portanto, em 2018, Lafaiete e Amorim abraçados politicamente. Uma cena que vale apena ser registrada e que poderá render mais capítulos nos bastidores da política.

Presidente da Câmara de Araripina é reconduzido ao cargo

O vereador Evilásio Mateus (PSL) mostrou força e foi reconduzido à presidência da Câmara Municipal de Araripina (PE), no Sertão do Araripe. A eleição aconteceu durante a sessão na noite de de ontem (13).

Além de Evilásio, a Mesa Diretora é formada por Francisco Edivaldo (PSB), vice-presidente; Camila Modesto (PMDB), 1ª secretária; e João Erlan (PDT), 2° secretário. A mesa vencedora atuará no biênio de 2019/2020.

Antes de tudo, quero agradecer aos amigos, que me escolheram como presidente e agora me reconduzem ao cargo. Quero dizer que o trabalho que estamos fazendo à frente da Câmara de Vereadores de Araripina, é um trabalho voltado para melhorias da população de Araripina“, discursou Evilásio. (foto/divulgação)

Armando apressa tramitação e Senado aprova o Refis das microempresas

ANA_5166

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (13), em projeto de lei cuja tramitação foi agilizada por iniciativa do senador Armando Monteiro (PTB-PE), o reescalonamento das dívidas das micro e pequenas empresas no Simples Nacional, em prazos que variam até 14 anos e seis meses. O projeto, que havia sido incluído, terça-feira, na pauta da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) sob a presidência de Armando, foi colocado hoje como primeiro item do plenário e segue agora à sanção presidencial.

“É uma medida de enorme alcance e um imperativo de justiça, porque dá condições minimamente isonômicas às empresas optantes do Simples Nacional. Elas representam 70% das empresas brasileiras e foram excluídas do Refis aprovado em outubro, que beneficiou as médias e grandes empresas. Estamos saindo de um ciclo de depressão econômica e é importante apoiar os micro e pequenos negócios, os maiores empregadores do país e essenciais no conjunto da atividade econômica”, assinalou Armando, no plenário.

Pelo projeto que vai à sanção presidencial, originário da Câmara dos Deputados, a micro e pequena empresa pagará em espécie, no mínimo, 5% do valor da dívida total do Simples, sem descontos, em até cinco parcelas mensais. O restante da dívida pode ser parcelada em três opções:

1ª) liquidação integral, em parcela única, com redução de 90% dos juros de mora, 70% das multas e 100% dos encargos legais, inclusive honorários advocatícios;

2ª) parcelamento em até 145 parcelas mensais,  com redução de 80%  dos juros de mora, 50% das multas e 100% dos encargos legais, inclusive honorários advocatícios;

3ª) parcelamento em até 175 parcelas mensais, com redução de 50% dos juros,  25% das multas e 100% dos encargos legais, inclusive honorários advocatícios.

As micro e pequenas empresas terão prazo de três meses, após o início da vigência da lei, para aderirem ao reescalonamento. Não poderão, neste período, ser excluídas do Simples Nacional, que junta, numa única guia de recolhimento, seis impostos federais, o ICMS, estadual, e o ISS, municipal. O relator do projeto de lei na CAE, senador José Pimentel (PT-CE), estimou em mais de 600 mil o número de micro e pequenas empresas beneficiadas pelo reescalonamento.

Foto: Ana Luiza Sousa/Divulgação

 

Presidente Iara Evangelista encerra ano legislativo fazendo balanço de ações e fazendo agradecimentos

DSC00092

Finalizando o segundo período legislativo de 2017 nesta terça(12), a presidente da Casa Zeferino Nunes em Lagoa Grande(PE) vereadora Iara Evangelista(PSB) fez um balanço das ações realizadas durante todo o ano pelo legislativo ao seu comando.

No balanço a presidente apresentou,  49 indicações, 21 Projetos do Executivo, 06 Projetos do Legislativo, 02 Projeto de Decreto, 05 Projeto de Resolução e 02 Audiências públicas.

A presidente ressaltou que as matérias importantes que foram aprovadas foram a sanção do chefe do executivo.

Em seu discurso a presidente falou do desafio e fez agradecimentos.

“Agradecer primeiramente a Deus por ter vencido grandes desafio durante esse ano, digo grande desafio, porque não é fácil chegar assim, uma jovem de primeiro mandato e ir logo direto a presidência, muita responsabilidade, graças a Deus consegui vencer esses desafios, com muitos conhecimentos”, pontuou Iara Evangelista.

Ainda durante seu discurso na tribuna a jovem presidente fez um importante agradecimento:

“E eu não poderia aqui deixar de agradecer a meu pai,  por sempre estar a meu lado, me mostrando o melhor caminho a seguir”, agradeceu Iara.

Iara Evangelista também fez agradecimentos aos colegas vereadores onde sempre procurou fazer um trabalho voltado para todos.

Agradeceu a imprensa através dos blog´s que durante todo ano estiveram realizando o trabalho de levar a informação através da transmissão das sessões ao vivo, uma novidade deste ano na Casa Zeferino Nunes.

A presidente Iara concluiu seu discurso estendendo os agradecimentos  a equipe dos servidores da casa Zeferino Nunes e aos assíduos frequentadores das sessões todas as terças.

Deputado Gonzaga Patriota recebe Medalha da Marinha do Brasil

gonzaga-comenda-300x300 (1)

O deputado federal Gonzaga Patriota, que já recebeu medalhas de Honra do Exército e da Aeronáutica, foi agraciado, nesta quarta-feira, 13, com a Medalha Mérito Tamandaré, pela Marinha do Brasil. “É uma honra receber uma Comenda de uma Força especializada que muito tem orgulhado o nosso País”, afirmou Patriota.

A Medalha Mérito Tamandaré é uma honraria concedida a autoridades, instituições, civis e militares, brasileiros ou estrangeiros, que tenham prestado relevantes serviços à Marinha do Brasil.

A solenidade foi realizada dentro das comemorações do Dia do Marinheiro, 13 de dezembro, no Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília.

A honraria foi criada em 1957 em homenagem ao Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré, que é o patrono da Marinha do Brasil. “Aproveito a oportunidade para parabenizar todos os marinheiros que lutam diariamente pelo nosso Brasil”, finalizou Gonzaga Patriota.

Presididas por Fernando Bezerra, comissões apresentam trabalhos sobre MP do Microcrédito e reforma do Código Comercial

13.12.17_CódigoComercial_1

Sob a presidência do senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE), duas comissões reuniram-se nesta tarde (13) para a análise do relatório sobre a chamada “MP do Microcrédito” e também do plano de trabalho que vai nortear a atuação do colegiado responsável pela reforma do Código Comercial. A votação dos documentos ficou marcada para a primeira semana de retomada dos trabalhos legislativos, em fevereiro.

“Nós acreditamos que neste momento em que a economia se recupera, ampliar a oferta de microcrédito significa ajudar o país na recuperação dos empregos”, destacou o vice-líder do governo no Senado. “Muitos postos de trabalho poderão ser criados a partir dos novos negócios que serão estabelecidos pelos micro e pequenos empreendedores individuais”, acrescentou Fernando Bezerra, durante a apresentação do parecer do deputado Otavio Leite (PSDB-RJ) ao texto da Medida Provisória 802/2017, que moderniza a legislação relativa ao Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado. O objetivo da medida é estimular a geração de trabalho e renda entre empreendedores populares, com financiamentos até R$ 200 mil, constituindo-se em um instrumento de inclusão econômica e social.

De acordo com o relator da MP 802/2017, todas as emendas possíveis sugeridas para o aperfeiçoamento da matéria foram acolhidas no parecer. “Para que o texto final tivesse o espírito de construção coletiva”, observou Otavio Leite. A íntegra do relatório do deputado pode ser obtida aqui.

CÓDIGO COMERCIAL – Na Comissão Temporária para Reforma do Código Comercial (CTREFCC), o relator do colegiado, senador Pedro Chaves (PSC-MS), apresentou o plano de trabalho que vai orientar a atuação dos 11 senadores que integram a CTREFCC, sob a presidência de Fernando Bezerra Coelho. A proposta é que sejam realizadas 12 audiências públicas em Brasília e em grandes capitais. “Como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Recife”, sugeriu Bezerra Coelho.

A CTREFCC foi instituída pelo Projeto de Lei (PLS) 487/2013, elaborado por uma Comissão de Juristas criada em 2013 com o objetivo de modernizar o Código Comercial, em vigor desde 2003. “Nosso esforço será ouvir e abrir o debate com todos os setores interessados em nos auxiliar no aprimoramento do Código para que ele seja um instrumento que eleve a produtividade da economia brasileira, dê maior segurança jurídica ao setor e melhore o ambiente de negócios no país”, ressaltou Fernando Bezerra.

Conforme o plano de trabalho do senador Pedro Chaves, os trabalhos da comissão temporária deverão ser concluídos até julho do próximo ano. A íntegra do documento pode ser conferida aqui.

Ex vereadora Zefinha se diz indignada com a forma que árvores foram podadas na Avenida Nilo Coelho

20171128_171528

Após o blog postar matéria noticiando as reclamações por parte  de alguns comerciantes em relação ao tamanho das árvores de parte da Avenida Nilo Coelho no sentido rotatória (contorno), que estavam tomando a visão dos comércios por falta de poda, em seguida algumas árvores tiveram suas copas completamente cortadas.

A forma da poda realizada incomodou a ex vereadora Zefinha, que reagiu de imediato.

20171128_172241

“Isso é um absurdo cortar as arvores desse jeito. Estou indignada com isso”, frisou Zefinha.

A ex vereadora disse não  saber quem realizou a poda exagerada.

Atendendo a solicitação dos comerciantes, as demais árvores na mesma fileira foram podadas de forma adequada pela Secretaria de Infraestrutura.