Inscrição no concurso para procurador do Estado de Pernambuco termina nesta sexta (09)

Os interessados em fazer o concurso para procurador do Estado de Pernambuco têm até as 18h (horário de Brasília) de sexta-feira (9/2) para se inscrever no certame. A Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) informa que não haverá nova prorrogação das inscrições, que são feitas site do Cebraspe (www.cespe.unb.br/concursos/pge_pe_18_procurador).

O boleto da taxa de inscrição, de R$ 210,00 poderá ser pago até o dia 19 de fevereiro. No concurso público, estão em disputa dez vagas para o cargo de procurador do Estado, sendo uma para pessoa com necessidades especiais, mais formação de cadastro de reserva. As provas objetiva e discursiva serão aplicadas no Recife nos dias 24 e 25 de março.

O certame prevê ainda uma terceira etapa de avaliação de títulos. O resultado final é previsto para 29 de junho. O concurso valerá por dois anos a partir da data de publicação da homologação do resultado final e pode ser prorrogado por mais dois anos. É executado pelo Cebraspe, sob supervisão de Comissão Coordenadora formada por procuradores do Estado e representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

http://www.pge.pe.gov.br/?1116_inscricao_no_concurso_para_procurador_do_estado_de_pernambuco_termina_na_sexta_(9/2)

Em nota de Esclarecimento, prefeitura de Lagoa Grande cancela o processo seletivo simplificado

Seduc

A Prefeitura Municipal de Lagoa Grande, a respeito da medida cautelar de suspensão do processo seletivo simplificado para contratação temporária de pessoal determinada pelo Egrégio Tribunal de Contas de Pernambuco, vem a público informar o seguinte:

1) Foram adotadas todas as providências administrativas necessárias ao cumprimento da medida cautelar, de modo que o processo seletivo simplificado está suspenso e somente terá seguimento após decisão do Tribunal de Contas de Pernambuco;

2) As falhas apontadas pelo relatório preliminar de auditoria são de natureza formal, e certamente serão superadas mediante providências administrativas, de modo que eventuais ajustes que venham a ser implementados a pedido do Tribunal de Contas não irão impedir a chamada dos candidatos classificados, no momento oportuno;

3) Tão logo o assunto esteja definitivamente solucionado no âmbito do Egrégio Tribunal de Contas de Pernambuco, serão retomadas as etapas administrativas decorrentes do certame, dando-se ampla publicidade disto;

4) Por oportuno, esclarece-se à população que a suspensão do processo seletivo não acarretará nenhum prejuízo ao funcionamento dos órgãos públicos ou desenvolvimento das atividades da Prefeitura Municipal de Lagoa Grande.

Assessoria de Comunicação

Maia detona chances de Alckmin e Bolsonaro ao Planalto

Durante evento realizado pelo banco BTG Pactual nesta quarta (7), em São Paulo,Rodrigo Maia (DEM-RJ) afirmou que são remotas as chances de Geraldo Alckmin chegar ao Planalto. Segundo Maia, o problema é a rejeição ao PSDB.

Maia também fez pouco caso da pré-candidatura do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (PSD). Disse que a rejeição ao governo deve derrubar sua intenção de voto.

Sobrou até para o boquirroto Jair Bolsonaro (PSL-RJ). Segundo Rodrigo Maia, o “mito” das redes sociais será afetado pela rejeição as legendas, inclusive o PSL.

 

Previdência: Eunício: Se reforma for aprovada agora, ‘vai sair defeituosa’

REVISTA VEJA Data: 16.02.2017 Editoria: BRASIL Michael Temer, durante Cerimônia de Sanção da Lei do Novo Ensino Médio Na foto, o presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira. Local: Palácio do Planalto -Brasília - DF Foto: Sergio Dutti

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), afirmou nesta quinta-feira, 8, que a reforma da Previdência “vai sair defeituosa” se for aprovada antes da eleição, em outubro. Segundo ele, as modificações no texto para viabilizar sua aprovação não resolveriam o problema, seriam “superficiais” e acabariam dificultando um debate mais profundo na disputa eleitoral.

“O presidente Michel Temer está obstinado, mas, se não for aprovada agora, (a reforma) pode sair em novembro. Ela deve ser discutida na próxima eleição, pois candidatos têm que dizer o que vão fazer com o dinheiro público. Se sair agora, vai sair defeituosa e o próximo presidente vai dizer ‘ah, já foi feita’”, declarou Eunício.

O emedebista voltou a avaliar que o governo errou na estratégia de comunicação sobre a reforma, no ano passado, e que a proposta foi “mal vendida”. “Tem coisa que pega e tem coisa que não pega” avaliou. Ele considerou que, se a proposta fosse apenas sobre a questão da idade mínima, teria sido aprovada em 2017.

Apesar das críticas, ele disse que não descarta a possibilidade da reforma ainda ser aprovada na Câmara no fim do mês. Caso isso ocorra, ele disse que não levará a proposta diretamente para o plenário do Senado, e que o tema precisará, pelo menos, passar pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) da Casa.

Ele voltou a lamentar que a Câmara tenha tido mais de um ano para analisar o projeto, enquanto o Senado terá menos tempo. E disse ainda que, se fosse Temer, diria que “já fez sua parte” sobre a reforma. Reconhecendo as dificuldades para aprovar a matéria, o presidente da República disse a mesma frase na semana passada.

Veja

Defesa de Lula pede que Fachin decida sobre pedido para evitar prisão

:

O advogado do ex-presidente Lula, Sepúlveda Pertence, pediu nesta quinta-feira, 8, ao ministro Edson Fachin que tome uma decisão sobre o habeas corpus apresentado por Lula ao STF contra prisão do ex-presidente; “Nós fizemos o apelo dada a velocidade do tribunal de Porto Alegre, está aberto o prazo para os embargos de declaração e, consequentemente, próximo à queda da suspensão da ordem de prisão”, disse Pertence após a reunião; Lula tem o direito de recorrer da condenação ao STJ e ao STF; no entanto, ele pode ser preso no momento em que se esgotarem os recursos no tribunal no TRF-4.

PODER: Fux tenta criar direito eleitoral específico para punir Lula

Carlos Moura/SCO/STF: <p>fux</p>

Em café da manhã com jornalistas, o ministro Luiz Fux, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, disse que há uma nova corrente de pensamento na justiça eleitoral que defende que registros de candidatos enquadrados na Lei da Ficha Limpa sejam barrados preventivamente pelo Judiciário; a lei, no entanto, determina que a inabilitação só pode acontecer depois de um pedido formal de impugnação; na prática, Fux assume a liderança do golpe e tenta antecipar a cassação dos direitos políticos de Lula – objetivo central da Lava Jato.(247)

Cemafauna faz alerta: macacos não transmitem a Febre amarela

Febre amarela não é culpa dos macacos - Sagui-do- tufo- branco

Nessa época, frequentemente, vemos notícias sobre o aumento do número de casos de pessoas infectadas pelo vírus da febre amarela. Muitas ainda pensam que os macacos dos gêneros Alouatta, Callithrix e Sapajus (que ocorrem na caatinga) são os grandes vilões dessa história e desconhecem o fato de que esses animais são vítimas tanto quanto nós e sucumbem rapidamente. Na verdade, eles são os nossos sentinelas, ou seja, servem de alerta para as instituições de saúde, mostrando que tal área está sob o foco da doença, dessa forma, colaborando para a elaboração de ações preventivas. A febre amarela é transmitida somente pelo mosquito Aedes aegypti e mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes, tanto nos humanos quanto nos macacos.

Em nossa região, predominantemente do bioma Caatinga, é muito comum encontrar até mesmo em áreas urbanas o sagui-de-tufo-branco (Callithrix jacchus), um dos primatas mais conhecidos do Brasil. De acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio),essa espécie tem sua origem na Caatinga (é endêmico ao Brasil, estando presente nos estados de Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte como residente e nativo. Nos estados da Bahia, Maranhão, Sergipe e, possivelmente, no nordeste do Tocantins, como residente, mas com origem incerta.

Nos estados do Espírito Santo, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina como residente e introduzido. Além dessa espécie, há também o sagui-de-tufo-preto (Callithrix penicillata) tendo sua distribuição   endêmica no Brasil, presente nos estados da Bahia, Goiás, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Minas Gerais, Piauí, São Paulo e no Distrito Federal, como residente e nativo, e nos estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina como residente e introduzido. Ambas as linhagens também são muito vulneráveis ao vírus e acabam morrendo rapidamente.

Pensando na conservação da fauna silvestre, o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga inicia a campanha ‘Febre amarela não é culpa dos macacos!’ para alertar a população local e comunidade acadêmica do Campus de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), zona rural de Petrolina, sobre a importância da conscientização a respeito do ciclo de transmissão do vírus da Febre amarela que no país, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico, de 1º de julho de 2017 a 6 de fevereiro de 2018, há registro de 353 casos, sendo destes 98 mortes.

Pernambuco não consta no mapa de casos notificados e confirmados de contaminação com a doença, apesar disso, em Petrolina, a Secretaria Municipal de Saúde recebeu 200 novas doses da vacina que já estão disponíveis desde 19 de janeiro e reforça que o público-alvo (crianças – a partir dos nove meses – que viajarão para regiões consideradas de risco, bem como adultos – até 59 anos – na mesma situação) pode  se dirigir até a AME Policlínica, das 8h às 17h, no centro da cidade.

Entenda o ciclo de transmissão da febre amarela:

O vírus da febre amarela é transmitido pela picada dos mosquitos transmissores infectados. A doença não é passada de pessoa a pessoa. A vacina é a principal ferramenta de prevenção e controle da doença.

Há dois diferentes ciclos epidemiológicos de transmissão, o silvestre e o urbano. Mas a doença tem as mesmas características sob o ponto de vista etiológico, clínico, imunológico e fisiopatológico. No ciclo silvestre da febre amarela, os primatas não humanos (macacos) são os principais hospedeiros e amplificadores do vírus e os vetores são mosquitos com hábitos estritamente silvestres, sendo os gêneros Haemagogus e Sabethes os mais importantes na América Latina. Nesse ciclo, o homem participa como um hospedeiro acidental ao adentrar áreas de mata. No ciclo urbano, o homem é o único hospedeiro com importância epidemiológica e a transmissão ocorre a partir de vetores urbanos (Aedes aegypti) infectados.

A pessoa apresenta os sintomas iniciais 3 a 6 dias após ter sido infectada.

(Fonte – Ministério da Saúde)

Essas são orientações do Ministério da Saúde e dos órgãos ambientais federais: 

·   A denúncia de maus tratos a macacos deve ser feita pela Linha Verde do Ibama –  0800 61 8080. Lembramos que matar, perseguir, caçar ou ainda praticar abuso ou maus tratos é crime de acordo com a Lei federal 9605.

·  Se encontrar macacos mortos, informe o Serviço de Saúde do município ou do estado pelo telefone 136.

Jaquelyne Costa/ Ascom Cemafauna

Feliz Aniversário Hoje(08) Para: Rosemário Luna, Patricia Freire e Carla Ramos

kkkkkkk

Parabéns! Que todos os votos de felicidades cheguem até ao trono de Deus, para realizá-los o mais rápido possível.

É festa no olhar de todas as pessoas que têm um abraço para lhe ofertar, e uma palavra de carinho para lhe dedicar. Você merece, e os homenageados de hoje somos todos nós que temos a sua amizade.

Que Deus abençoe você a cada ano, e que essa nova idade lhe traga muitas chances para vencer, pois você merece. Muitos anos de vida, e um feliz aniversário!

 

Trabalhos legislativos da Casa Zeferino Nunes devido feriado deverá retornar somente dia 20

20171229_083225

Em Lagoa Grande(PE), a volta dos trabalhos legislativos da Casa Zeferino Nunes após recesso que estava previsto para retornar na próxima terça dia 13, em virtude do feriado de carnaval deverá sofrer mudança na data.

Com o feriado, os trabalhos legislativo deverá ter inicio no próximo dia 20. E neste segundo ano da atual legislatura, sob o comando da presidente Iara Evangelista,  uma outra novidade que poderá acontecer é, uma mudança no horário das sessões da câmara, mas essa é uma informação que ainda não é tida oficial por parte da câmara de vereadores de Lagoa Grande.

 

Relator anuncia mudanças na reforma da Previdência; governo quer votar o texto até o fim deste mês

Relator dep. Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), apresenta emenda aglutinativa para a Reforma da Previdência. Dep. Aguinaldo Ribeiro (PP - PB)

O líder do governo, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), disse que será feito um esforço para votar a reforma da Previdência (PEC 287/16) entre os dias 19 e 28. Se isso não ocorrer, por falta dos 308 votos necessários, o governo passará a defender a votação de outros temas de interesse do Executivo.

Nesta quarta-feira (7), o relator da reforma, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), confirmou nova alteração no texto, prevendo pensão integral para os cônjuges de policiais mortos em serviço. Aguinaldo Ribeiro afirmou que a medida era apoiada por uma bancada “expressiva”, mas não precisou quantos votos foram efetivamente ganhos com a alteração.

A integralidade da pensão levará em conta a data de entrada do policial no serviço público. Isso porque os servidores que entraram após 2003 não têm integralidade na aposentadoria. Os policiais militares não estão incluídos porque são regidos por outras regras.

Negociação

Oliveira Maia admitiu que pode negociar outros pontos da reforma durante a discussão em Plenário, mas adiantou que não negocia as idades mínimas de 62 anos para mulheres e de 65 anos para homens.

Relator dep. Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), apresenta emenda aglutinativa para a Reforma da Previdência

“Afinal, não é razoável que só o Brasil, no mundo inteiro, ainda admita aposentadoria sem ter uma idade mínima para as pessoas. E mais: no Brasil, as pessoas mais pobres, tipo o trabalhador rural, já têm idade mínima. Então precisamos estabelecer uma idade mínima para todos.”

Outra questão inegociável, segundo Oliveira Maia, são as mudanças que igualam os servidores públicos aos trabalhadores em geral.

Desde 2013, o teto de aposentadoria dos servidores federais é o teto do INSS, de R$ 5.645,80, mas muitos estados e municípios não implementaram fundos complementares para os seus servidores e continuam fora do teto.

A emenda da reforma prevê prazo de seis meses para governadores e prefeitos adequarem seus sistemas.

O líder Aguinaldo Ribeiro reconhece que é mais difícil aprovar a reforma em ano eleitoral, mas acredita que a compreensão da necessidade das mudanças aumentou durante o recesso com a ajuda de reportagens sobre o deficit previdenciário publicadas pela imprensa. O governo estima que, até o momento, tem o apoio de 273 deputados.

Contra a reforma

Dep. Julio Delgado (PSB - MG) concede entrevista

O líder do PSB, deputado Júlio Delgado (MG), disse que o seu partido quer votar a reforma para derrubá-la em Plenário. “A gente quer derrotar essa proposta de uma vez por todas para não deixar nenhum resquício que ela possa vir a ser votada em novembro com um Congresso totalmente alterado em função do resultado das urnas.”

Delgado criticou as novas mudanças sugeridas pelo relator. “Essa alteração é mais uma maquiagem numa tentativa de encontrar consenso que não vai existir na votação desta matéria”, criticou.

Os líderes da oposição afirmam que a reforma vai cortar 40% do valor das novas pensões e 40% dos novos benefícios de quem se aposentar com apenas 15 anos de contribuição. O trabalhador só terá 100% da média de contribuições caso tenha 40 anos de pagamentos comprovados. Além disso, o acúmulo de aposentadoria com pensão só será permitido até o máximo de dois salários mínimos, ou R$ 1.908,00.

Representantes de cinco centrais sindicais sugeriram nesta quarta-feira ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que a votação da reforma da Previdência fique para 2019.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

Agência Câmara Notícias