Pipeiros da ‘Operação Carro-Pipa’ do Exército fazem protesto e interditam avenida de Petrolina, PE Eles reivindicam o pagamento dos salários atrasados e o reajuste nos contratos

1516302039864-269826314
Pipeiros que trabalham para Operação Carro- Pipa do Exército Brasileiro realizaram na manhã desta quinta-feira (18) um protesto em frente 72º Batalhão de Infantaria Motorizado, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Eles reivindicam o pagamento dos salários atrasados e o reajuste nos contratos, que não possui aumento desde 2009.
Os manifestantes interditaram o trânsito na Avenida Cardoso de Sá, em frente ao batalhão do Exército. Os trabalhadores cadastrados na Operação Carro-Pipa, do Governo Federal, vieram de vários municípios do Sertão de Pernambuco e da Bahia.
Pipeiros cobram pagamentos atrasados em Petrolina (Foto: Reprodução/ TV Grande Rio) Segundo os pipeiros, o acordo com o Exército é de trabalhar 90 dias para receber o pagamento, mas alguns estão com o salário atrasados desde o mês de julho do ano passado. Outra reclamação é sobre o aparelho de GPS que registra a quilometragem percorrida até as comunidades que são atendidas. Os trabalhadores afirmam que o aparelho apresenta muitas falhas e atrapalha o serviço.
 Por G1 Petrolina

Petrolina, Sertão de Pernambuco, registra mais um homicídio no Projeto Nilo Coelho

WhatsApp Image 2018-01-18 at 13.31-horz

Segundo informações repassadas ao Lagoa Grande Noticias, nesta tarde ocorreu um homicídio  no Núcleo 10 do Projeto Senador Nilo Coelho.

A vitima identificada de prenome Antonio Neto foi alvejado com vários tiros por dois homens  que chegaram em uma motocicleta e disparam várias vezes contra a vítima que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

Polícias estão no local, fazendo a preservação do corpo e do local do homicídio e a espera do IC – Instituto de Criminalista e IML – Instituto Médico Legal.

LAGOA GRANDE-PE: Policiais da 7ª CIPM, frustra assalto há Secretaria Municipal de Saúde

SESAU_04

Após denúncias de moradores, uma equipe da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) da 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) flagrou, na noite de ontem (17), três adolescentes praticando um furto na sede Secretaria de Saúde de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco.

Quando os policiais chegaram ao local, os menores já tinham arrombado uma porta do almoxarifado e estavam tentando retirar objetos do local. Ao avistarem a equipe, os menores empreenderam fuga sem levar nada. A polícia fez buscas pela área, mas não conseguiu apreender os menores.

Um boa notícia: Agricultores de Lagoa Grande beneficiários do Garantia Safra 2016/2017, tem 1ª parcela do beneficio liberada, informa o STR

dsc03739

Os 1.032 agricultores do município de Lagoa Grande no Sertão de Pernambuco, cadastrados e aprovados no Programa Garantia safra 2016/2017 e, que pagaram o boleto de contrapartida do agricultor, receberam hoje uma boa notícia.

De acordo com informações repassadas nesta quinta(18) pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município(STR), já está disponível para saque o auxílio de R$ 850,00  para os agricultores que perderam  a safra e se enquadram no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

“O valor de R$ 850 reais será recebido em cinco parcelas iguais, onde foi liberado ontem o pagamento e já pode ser sacado pelos agricultores nas casas lotérica ou agência da Caixa, sendo que o pagamento obedece o cronograma do calendário de pagamento do bolsa família. A gente recomenda aos agricultores que antes de ir até a Casa Lotérica ou na Caixa é importante vá até o Sindicato dos Trabalhadores Rurais ou a Secretaria de Agricultura levando o numero do NIS  ou CPF para verificar se realmente o nome consta na lista de pagamento”, explicou Ivo Lopes, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais(STR) .

Ainda de acordo com o presidente do STR Ivo Lopes, o sindicato estará enviando a lista para os presidentes de associações através de e-mail, para facilitar que os agricultores em suas comunidades confiram se o nome consta na lista,  evitando assim gastos com passagem no deslocamento até a cidade.

O pagamento é efetuado de acordo com o último número do cartão do beneficio social e tem direito ao beneficio o agricultor que teve perda de pelo menos 50% da produção devido às condições de estiagem prolongada.

 

Feliz Aniversário Hoje(18) Para: Naedja Ferraz

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, selfie e close-up

Feliz aniversário! Hoje é o seu dia especial, pois completar mais um ano de vida é um momento de alegria, de celebrar junto dos que mais ama, junto daqueles que têm um sorriso e um abraço sinceros para compartilhar com você neste dia de festa.

Abra o seu coração para todas as felicitações, para a alegria que é a dádiva da vida e usufrua dela o melhor que conseguir.

Parabéns e muitas felicidades! Que a vida continue sorrindo e presenteando você com as melhores graças, com muito amor, com muita saúde, amizade e felicidades mil. Desejos de um dia muito feliz e que você possa celebrar a vida hoje e sempre, e celebrar-se a si todos os dias da sua vida.

Feliz aniversário!

Prefeito Vilmar Cappellaro fechará 04 Escolas do interior de Lagoa Grande(PE) e decisão vem causando indignação nos pais de alunos e comunidades

DSC00287

Em Lagoa Grande no sertão de Pernambuco, o prefeito Vilmar Cappellaro(PMDB) já começa 2018 tomando medidas impopulares e uma delas vem através da Secretaria Municipal de Educação(SEDUC) onde estar prestes a executar uma ação no interior do município que já vem gerando polêmica.

Segundo informações, o prefeito Vilmar Cappellaro ainda este ano pretende fechar pelo menos 04 escolas de multi seriado do interior do município. As Escola Maria Juvanete Gomes de Alencar Viana, na comunidades de Rocinha, Escola Jorgito Pereira de Miranda na comunidade de Salinas, Sancho Pereira em Sombrio e Zózimo Antunes em São Mateus.

Se sentindo revoltados e indignados com esta ameaça das referidas escolas serem fechadas e, que consequentemente irá prejudicar os alunos, comunidades e pais de alunos já se mobilizam e vão bater de frente com o prefeito nesta decisão, considerada por eles como sendo absurda.

De acordo com relatos de pais de alunos, o secretário da pasta Willian Cesar, esteve recentemente na comunidade de Rocinha anunciando a decisão do fechamento das escolas e afirmou que a medida estaria sendo motivada devido uma recomendação do Ministério Público.

O Lagoa Grande Notícias entrevistou o senhor Evanildo Barros Amorim, ele que mora na Comunidade de Rocinha e pai de duas alunas que estudam na Escola Maria Juvanete Gomes de Alencar Viana, localizada naquela comunidade, ele se mostrando indignado, fez várias críticas a postura do prefeito Vilmar Cappellaro e do secretário Willian Cesar.

Confira:

Como os pais de alunos receberam esta notícia?

“Nós tivemos a notícia assim que o senhor secretário andou lá e comunicou que a escola seria fechada, não só da Rocinha, mas a de São Mateus, Salinas e Sombrio alegando que os multi seriados era uma escola que vivia nos anos 40, elas é uma escola que não tem desenvolvimento”, informou o senhor Evanildo.

A contradição

Segundo o pai, o secretário mesmo tentando argumentar o fechamento das escolas, por mais de uma vez foi contraditório em suas palavras, quando afirma que as escolas vivem no passado e, em seguida o secretário Willian Cesar, destaca que uma das escolas a serem fechadas recebeu um prêmio como Escola Destaque do município.

“Onde na mesma da hora ele (secretário) se contradiz com as próprias palavras, que ele disse que a Escola de Salinas teria recebido um prêmio como a Escola Destaque no município de Lagoa Grande, isso ele explicando… eu esperei ele terminar a fala dele,  e eu perguntei a ele: – Porque ele queria fechar dizendo que as escolas viviam nos anos 40, não tinha desenvolvimento e, porque não foi de Vermelhos ou Lagoa Grande, Jutai ou Açude Saco, que  teria ganhado esse prêmio como Escola Destaque?”, rebateu  Evanildo.

Dupla Contradição

Logo em seguida o pai voltou a afirmar diante do que disse o secretário, o mesmo mais uma vez teria entrado em contradição, confira:

Dizendo ele que a zona rural tinha esse grande problema e, ao mesmo instante ele se contradiz com as próprias palavras, depois se contradiz com as próprias palavras de novo, dizendo que a área urbana é menos desenvolvida que a área rural, onde a zona rural os alunos são bem desenvolvidos que a área urbana”, frisou Evanildo.

Como receberam a notícia do fechamento das escolas?

“Primeiro a gente já sabia por causa de comentários, um dizia pro outro, mas oficialmente a gente só fiquemos sabendo na escola, que ele (o secretario Cesar) foi lá e oficialmente, e oficialmente chegou na escola e comunicou”, explicou Evanildo.

Qual a justificativa dada pelo secretário para fechar as escolas?

“A justificativa é que ele disse que multi seriado não tinha desenvolvimento, foi onde eu apresentei a ele e disse a ele que olhasse o histórico da escola.   Quantos professores de lá de dentro são formados hoje e, partiram de lá… tem padre que saiu de lá, tem vereadora hoje, já teve um, hoje tem outro. Todos saíram dessa escola, onde a professora começou e se aposentou agora ano passado lá, quer dizer que uma escola dessa se ela fosse uma escola que viesse sendo negativa, eu mais que ninguém, tenho duas filhas lá dentro, eu seria o primeiro a concordar que ela fechasse”, pontuou o pai.

Segundo Evanildo, a escola tem uma excelente professora e que os alunos tem um ótimo desempenho e que todos os pais reconhecem.

Circulou uma informação que a decisão de fechar as escolas seria uma RECOMENDAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO, essa informação chegou até os pais?

“Chegou através dele Cesar, dizendo que era através do Ministério Público e, ele taria sendo também pressionado pela Promotória, esse argumento ele chegou lá e disse, só que eu pessoalmente acho que até…tem questão política pelo meio, porque…no começo do ano passado, eles queria locomover uns alunos que só rodava seis quilômetros para a nossa escola, eles queria locomover os alunos, rodar 30 quilômetros de pista pra levar pra Jutai, já pra tirar, eles tão cruzando rota de carros de alunos aonde tão gastando mais pra ir buscar uns alunos pra levar pra Jutai, onde a escola seria mais perto a da Rocinha”, explica Evanildo.

Evanildo disse que diante da fala do secretário Willian Cesar, ele fez um questionamento lógico:

“Eu procure ao próprio secretário, fiz uma pergunta a ele; onde deveria se estudar o aluno se ele morasse em determinado lugar que tivesse duas escolas? Ele me disse que era a mais perto, foi só o que eu queria saber, e no que ele disse que era a mais perto, eu procurei a ele porque ele tava tirando os alunos de tão longe pra levar pra Jutaí? Ele não me respondeu, ficou sem explicação”, afirma Evanildo.

Aumenta os custos do Transportes Escolar com o deslocamento?

“Com certeza muito mais, dobrar, e multiplicar porque os alunos o máximo que roda lá é 6 no máximo 7 quilômetros que os alunos rodam dentro de um carro, sai tarde, dar tempo o aluno dormir tranquilo e chegar cedo na escola e chegar cedo em casa graças a adeus nessa parte ai…agora se for locomover, alunos vai ter que levantar 5 horas da manhã pra poder rodar”, destaca Evanildo Barros.

Perguntado se os pais já haviam procurado o Ministério Público pra obter mais informações desta decisão, o pai do aluno disse que por enquanto não, mas que iriam procurar a promotoria pública para os esclarecimentos e as providencias que poderão serem adotadas.

Postura do prefeito

Sem muito diálogo, Evanildo disse ter estado com o prefeito e a afirmação seria que as escolas seriam muito decadentes.

“Eu já tive conversando com o próprio prefeito Vilmar…Passei umas duas horas com ele em reunião, não ficou irrevogável sobre isso ai, só apresentou dizendo que era por causa das escolas que não tinha desenvolvimento, que era muito decadente”.

Diante do que disse o prefeito, o pai rebateu a tese:

“Só tem que eu disse a ele: Porque ele tava culpando as escolas da área rural por um índice de alfabetização do município, tava culpando a área rural, então teria que se ver a área urbana”, rebateu Evanildo.

Os pais e a comunidade com sentimento de revolta diante desta decisão do prefeito Vilmar Cappellaro estão realizando um abaixo assinado e nos próximos dias os pais de alunos estarão conversando com o Ministério Público na tentativa de barrar esta decisão.

Vale destacar que foi gasto um grande volume de recurso público para que todas essas escolas fossem totalmente reconstruídas na gestão passada  do ex prefeito Dhoni Amorim, ganhando uma nova estrutura e maior conforto, no entanto, com a decisão o município ficará no prejuízo com todos esses prédios abandonados.

O Lagoa Grande Notícias deixa o espaço aberto para o Ministério Público através da Promotoria e a Prefeitura de Lagoa Grande, através da Secretária de Educação e do excelentíssimo prefeito Vilmar Cappellaro, caso queiram fazer qualquer esclarecimento sobre o referido assunto.

 

Lagoa Grande: Prefeito Vilmar Cappellaro revoga Decreto Emergencial para contratação de 445 servidores

Vilmar-Cappellaro-DIA-DO-TRABALHADOR-2

Em Lagoa Grande(PE) mais uma vez o jurídico do governo’ Avante Lagoa Grande’ cometeu uma gafe ao lançar na manhã de ontem quarta feira (17), o Decreto Emergencial 007/2018 para contratação de pessoal e nesta quinta(18), o  mesmo Decreto foi revogado.

Onde centenas de pessoas no município esperam ansiosamente por estas vagas de empregos, o ocorrido chega até parecer lambança ou brincadeira do executivo.

Os empregos serão disponibilizados pelas Secretaria Municipal de Educação, Assistência Social, Infraestrutura, Saúde,  Agricultura e gabinete.

Confira a revogação em nota divulgada pela prefeitura:

O departamento jurídico da Prefeitura de Lagoa Grande, PE, vem a público informar que o Decreto nº 007/2018, publicado na manhã ontem, 17, foi revogado. Um novo Decreto será publicado, constando informações administrativas e normatizando contratações. O Decreto tratará sobre contratações emergenciais e provisórias, para possibilitar o preenchimento de vagas, caso tenha necessidade, até o final do Processo Seletivo que será lançado pela administração municipal e secretaria da Educação.
O novo Decreto nº 008/2018, irá prever que os contratos que, porventura sejam firmados, serão imediatamente rescindidos com a conclusão do processo seletivo, para convocação e posse dos aprovados. No Processo Seletivo, caso as vagas não sejam todas preenchidas,  a administração está estudando a viabilidade para contratação de serviços sob o regime de execução indireta.
ASCOM – Jornalista Responsável Sérgio Martins DRT/PE 6056

MEI inadimplente deve regularizar até 23 de janeiro

Resultado de imagem para microempreendedor

O MEI inadimplente que ainda está com o CNPJ suspenso tem até o dia 23 de janeiro para se regularizar. Os microempreendedores poderão procurar uma das unidades do Expresso Empreendedor de Pernambuco ou a Agência de Empreendedorismo para receber gratuitamente orientação empresarial e contábil. E, principalmente, saber quais são os documentos necessários para ficar em dia com as guias mensais (DAS) referentes aos anos de apuração 2015, 2016 e 2017 e emitir a declaração anual (DASN-SIMEI) de 2015 e 2016. Com isso, o MEI evitará a baixa definitiva do CNPJ.

Segundo o gestor do Expresso Empreendedor, Murilo Nóbrega, é o Estatuto da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte que prevê o cancelamento da inscrição do MEI. “Quem não conseguir se regularizar no prazo previsto recebe a baixa definitiva do CNPJ e as dívidas migram para o CPF vinculado, o que impossibilita o MEI de exercer as suas atividades formalmente a menos que tire um novo CNPJ, provocando ainda a perda dos benefícios previdenciários durante o período em que estiver irregular”, afirma.

A prorrogação do prazo para regularização do MEI foi efetuada pelo Comitê para Gestão da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (CGSIM). O MEI pode solicitar o parcelamento dos débitos em até 60 meses.

Quem estiver em dúvida se está com alguma pendência, além das unidades do Expresso Empreendedor, poderá recorrer ao Portal do Empreendedor. O endereço possibilita a busca pelo CPF e por CNPJ e traz a lista completa de CNPJs suspensos pela Receita Federal.

Endereços:

CARUARU – prédio da Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (ACIC), Rua Armando da Fonte, 15, térreo, Maurício de Nassau. Telefone: 3725-7600. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

IPOJUCA – prédio da AGÊNCIAMAIS, Rua Mário da Costa Monteiro, 98, Centro de Ipojuca. Telefone: 3561-1946. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 7h às 13h.

PETROLINA – Prédio da Agência do Trabalho, Avenida Tancredo Neves, s/n , 1º Piso, Centro de Convenções Senador Nilo Coelho. Telefone: 3866-9815. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 7h às 13h.

RECIFE – Prédio da Junta Comercial do Estado de Pernambuco (JUCEPE), Rua Imperial, 1600, São José, Recife. Telefone: 3182-2801. Horário de funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

Agência de Empreendedorismo – Rua da União, 293, Boa Vista. Telefones: 3183-7238/3183-7237/3183-7257.

*A Sempetq informa que, nos municípios onde não há Unidades do Expresso Empreendedor, os Microempreendedores Individuais podem procurar a Sala do Empreendedor ou o SEBRAE. Há ainda o Portal do Empreendedor www.portaldoempreendedor.gov.br.

 

Justiça de Pernambuco rejeita pedido de reconsideração do diretório estadual do MDB

Resultado de imagem para jarbas raul henry e fernando bezerra

O juiz da 26º Vara Cível do Recife (PE) rejeitou nesta tarde (17) pedido de reconsideração apresentado pelo Diretório Estadual do MDB de Pernambuco. Foi mantida integralmente a decisão proferida no último dia 11 de janeiro, que determinou a retomada do processo de dissolução do diretório da legenda.

Quanto ao Agravo de Instrumento interposto ontem pelo Diretório do MDB de Pernambuco, os advogados do MDB nacional requereram ao desembargador Francisco Sertório (relator do caso), que abrisse prazo para a apresentação de contrarrazões antes de apreciar o pedido de liminar, a fim de assegurar igualdade de condições entre as partes litigantes, uma vez que em Agravo de Instrumento anterior esse foi o procedimento observado pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

Espera-se que, uma vez devidamente esclarecidos os fatos através do exercício do prévio contraditório, os falaciosos argumentos expostos pelo Diretório Estadual do MDB sejam rejeitados e a decisão que autorizou a retomada do processo de dissolução seja mantida, respeitando-se a autonomia assegurada constitucionalmente aos partidos políticos para tratar de seus assuntos internos”, disseram os advogados. Confira aqui a decisão.

Prefeitura de Araripina apresenta números do Fundeb 2017 em reunião na Câmara de Vereadores

Os secretários de Finanças e de Educação de Araripina participaram nesta quarta-feira (17) da reunião da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores para apresentar os dados financeiros do Fundeb no ano de 2017.

Sinval Ferreira e Possídia Carvalho mostraram que no ano passado a receita proveniente da União foi de R$ 40 milhões e que as depesas com o pagamento de todas as depesas – salários, 13º, 1/3 de férias e contribuições previdenciárias dos servidores do Fundeb 40 e 60 – passaram dos R$ 49 milhões, portanto a prefeitura teve que aportar recursos do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, para manter a educação em funcionamento. Eles também destacaram que em 2017, a prefeitura transferiu 33% das receitas para a Educação, superando o mínimo estabelecido de 25%.

A secretária de Educação afirmou que está sendo feito um grande esforço financeiro para manter o bom funcionamento das escolas. “A gestão atual herdou duas folhas salariais atrasadas dos meses de novembro e dezembro de 2016. Em 2017 tivemos muitas conquistas como o cumprimento dos 200 dias letivos, alimentação e transporte adequados, salários dos servidores sempre em dia. Tudo isso foi conquistado com muito trabalho e respeito aos servidores da educação. Por isto temos certeza que 2018 será um ano excelente onde todos teremos motivos para comemorar”.

Segundo Sinval Ferreira, o pedido da Comissão de Educação e de qualquer outro órgão sempre será atendido pela Prefeitura de Araripina. Ele afirmou que os dados revelam que os repasses da União não são suficientes para pagar todas as despesas e que a Prefeitura precisa colocar recurso de outras áreas para manter a educação em pleno funcionamento.