Homem morre carbonizado após acidente de trânsito próximo à Ouricuri

Um homem morreu após um acidente de trânsito na madrugada desta terça-feira (16), em uma região que fica a 6km de Ouricuri, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a carreta conduzida pela vítima caiu de uma ponte e pegou fogo. O motorista morreu carbonizado e o corpo ficou irreconhecível.

Ainda segundo a PRF, a suspeita é de que o homem tenha dormido ao volante.

Por G1 Petrolina/Foto Facebook

Onze das 184 cidades de Pernambuco concentram quase metade dos homicídios de 2017

mmm

Ao fechar o ano com 5.427 assassinatos registrados, Pernambuco contabilizou um aumento de 21,1% no número de homicídios quando comparado com 2016. Com o total de 2.612 mortes, 48,1% das mortes violentas de 2017 se concentram em onze dos 184 municípios do estado. Dessa lista, oito cidades pertencem a Região Metropolitana do Recife (RMR). Os dados foram divulgados pela Secretaria de Defesa Social (SDS) na segunda-feira (15).

Ao somar os 12 meses de 2017, a capital pernambucana disparou na frente quando o assunto é Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). Isso porque Recife registrou 791 casos do tipo, o que representa 14,6% do total. Na segunda posição está o município de Jaboatão dos Guararapes, localizado no Grande Recife, com 398 mortes, ou 7,3%. Já Caruaru, no Agreste, forma o top três das cidades com mais assassinatos registrados com 262 homicídios, o que representa 4,8%.

Dados do IBGE apontam que a estimativa de população para o ano de 2017 foi de mais de 1,6 milhão no Recife. Para Jaboatão dos Guararapes, o cálculo era de 695 mil habitantes enquanto para Caruaru era de 356 mil.

mmmmmm

Ainda segundo os dados repassados pela SDS, as três localidades registram um crescimento no número de CVLIs. Em 2016, foram 658 no Recife, 371 em Jaboatão dos Guararapes e 225 em Caruaru. Há três anos, eram 571 no Recife, 311 em Jaboatão dos Guararapes e 204 em Caruaru.

Também estão no ranking de cidades com maior número de assassinatos em Pernambuco Paulista (223 mortes), Cabo de Santo Agostinho (198), Ipojuca (139), Olinda (163), Petrolina (131) e Vitória de Santo Antão (123). Com 92 homicídios cada, os municípios de Igarassu e Camaragibe ocupam a mesma posição dez da lista.

Menores índices

Em todo o estado, quatro localidades foram as únicas a não registrar assassinatos ao longo do ano de 2017. São elas: Salgadinho e Cumaru, no Agreste pernambucano, Ingazeira, no Sertão, e o arquipélago de Fernando de Noronha.

Outros quatro municípios registraram uma morte ao longo do ano, todos localizados no Sertão do estado. São eles: Calumbi, Granito, Quixaba e Solidão.

nnn

Balanço 2017

O número de 2017 é 21,1% maior do que os 4.479 assassinatos contabilizados em 2016. Ele é também a marca mais expressiva desde 2004, ano inicial da divulgação das estatísticas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) pela Secretaria de Defesa Social (SDS).

No mês de dezembro de 2017, foram contabilizadas 394 mortes violentas no estado, menor estatística mensal desde julho, quando foram registrados 446 assassinatos. De acordo com a SDS, a estatística de dezembro é a segunda menor do ano, perdendo apenas para o mês de junho, que teve 379 assassinatos.

De acordo com as estatísticas divulgadas pela pasta, os Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) seguem a mesma tendência de crescimento dos homicídios, mas em menor escala. Em 2017, foram contabilizadas 119.513 ocorrências desse tipo, 4,1% a mais do que os 114.802 CVPs registrados em 2016. Extorsões e roubos cometidos contra transeuntes e instituições financeiras, roubos de veículos e assaltos a ônibus são alguns dos crimes que se enquadram nesta categoria.

A SDS, no entanto, argumenta que houve melhora nos números, se comparados o primeiro e o segundo semestre de 2017. Através de material encaminhado à imprensa nesta segunda (15), a pasta ressalta a queda de 2.875 para 2.552 homicídios semestrais em 2017.

No entanto, se comparados os primeiros semestres de 2016 e 2017, é possível notar um aumento de 39,3%, já que o número passou de 2.073 para 2.875 assassinatos. Na comparação entre os últimos semestres dos dois anos em questão, também houve aumento de 5,62%, uma vez que o número de homicídios passou de 2.416 para 2.552.

Segundo o secretário estadual de Defesa Social, Antônio de Pádua, o aumento no número de homicídios em Pernambuco está ligado ao tráfico de drogas. Ainda assim, o secretário acredita numa melhora das estatísticas em 2018 a partir da atuação do governo estadual na área de segurança pública.

Crimes contra a mulher

Em todo o ano de 2017, houve 2.134 vítimas de estupro, número 8,7% menor do que as 2.311 vítimas que reportaram o crime à polícia em 2016. Os registros de crimes de violência doméstica e familiar, no entanto, cresceram 4,3%, já que houve 33.188 casos em 2017 e 31.466 casos em 2016. Para a SDS, o número reflete o aumento de denúncias de vítimas.

Reforço na segurança

De acordo com a SDS, a segurança em Pernambuco será reforçada com 1.322 novos policiais militares no primeiro trimestre. Há, também, previsão de abertura de mais 500 vagas em concurso público.

A SDS também promete reforço de 140 novos delegados, 620 agentes e 90 escrivães na Polícia Civil, além de 139 peritos criminais, 130 auxiliares de peritos, 73 auxiliares de legistas, 51 peritos papiloscopistas e 40 médicos legistas na Polícia Científica. No Corpo de Bombeiros, a previsão é de que 300 novos profissionais concluam o curso de formação em 2018.

G1

 

Fernando mantém reuniões administrativas em Paulista e Itamaracá

fbc_paulista_1601_2

Paulista e Itamaracá, na Região Metropolitana do Recife, foram as cidades visitadas pelo senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) nesta terça-feira. Nas duas agendas o senador tratou de questões administrativas com os gestores, disponibilizando o corpo técnico do gabinete em Brasília para acompanhar o andamento de projetos e ações que tenham interface com o Governo Federal.

O primeiro compromisso foi o prefeito de Paulista Júnior Matuto (PSB). O município foi beneficiado com obras de contenção do avanço do mar durante o período em que Fernando foi ministro da Integração Nacional, entre 2011 e 2013. Na época foram liberados aproximadamente R$ 14,3 milhões para o projeto. “Nossa estrutura parlamentar está à disposição da prefeitura para que possamos colaborar com as ações necessárias para o município, que é um dos mais importantes de Pernambuco”, disse.

Em seguida ele foi à Ilha de Itamaracá, onde participou de uma reunião com o prefeito Mosar Tato (PSB) e secretários municipais. O senador conseguiu, junto ao Ministério do Turismo, a liberação de R$ 3 milhões para a construção da estrada de acesso à praia do Sossego, uma das mais procuradas pelos turistas que frequentam o balneário. “O turismo é um grande impulsionador do desenvolvimento e acredito que esta obra irá colaborar para induzir o fluxo turístico na Ilha”, afirmou o senador.

Depois da blitz da oposição, Secretário de saúde de Lagoa Grande reúne todos os setores e faz visita aos PSF´s 04 e 08

Após na última quinta(11), os Vereadores da Oposição Carlinhos Ramos(PSB), Lindaci Amorim(PT), Professor Vavá(PSB) e a presidente do legislativo Iara Evangelista(PSB) realizarem uma blitz  nos PSF´s da sede e do Distrito de Vermelhos, o secretário de saúde Italo Ferreira esta semana também foi a campo.

O secretario acompanhado de sua equipe de trabalho, Conselho Municipal de Saúde, vereadores da situação,   fez visitas surpresas ao PSF 4, no Distrito de Vermelhos e no PSF 8, localizado no Assentamento Madre Paulina.

O objetivo das visitas foi para ver in loco a situação dos estabelecimentos de saúde e discutir com a comunidade usuária melhorias de atendimento ao público.

De acordo com o secretário Ítalo Ferreira,  que fez questão em convocar todos os setores da Secretaria de Saúde, Conselho de Saúde e os vereadores para realizar as visitas e ouvir a população, essa foi a primeira visita que realizada neste ano de 2018 e foi escolhido o Distrito de Vermelhos por ser o PSF que possui o maior fluxo de pessoas.

Ainda segundo o secretário, a secretaria de saúde só vai prestar um serviço de qualidade se tiver a participação da comunidade.

Na visita surpresa, a equipe ouviu atentamente os reclames de alguns pacientes. Cada setor fez suas anotações para resolver os problemas levantados na visita.

Estavam presentes os Setores de:

  • Atenção Básica
  • Vigilância epidemiológica
  • Vigilância Sanitária
  • TFD (Tratamento Fora de Domicílio)
  • Marcação de exames
  • NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família)
  • Saúde Bucal
  • Farmácia
  • CAPS (Centro de Atenção Psicosocial)
  • PMI (programa municipal de imunização)
  • Conselho de Saúde na pessoa do presidente Francisco Gomes (Chico do Sindicato)
  • Os vereadores Alvanir, Edneuza, Fernado, Mantena e Nena Gato.

Para Ítalo, o momento é para fazer uma prestação de contas que mesmo com todas as dificuldades, Lagoa Grande tem avançado na saúde e tem o privilegio de dizer que a cidade é o único município que tem todas as equipes com médicos para atender a população.

Ainda de acordo com o secretário, serão entregues R$ 1 milhão de reais em equipamentos, como também serão reformados  todos os PSF´s, onde 9 PSF´s já estão reformados, assim como, será realizada a reforma do hospital, serão entregues 02 ambulâncias no próximo mês .

Nesta quinta-feira (18), a equipe vai visitar os estabelecimentos de Saúde em Jutaí e Açude Saco e na próxima semana será a vez dos PSF´s da sede.

Na visita realizada pelos vereadores da oposição na última semana, os vereadores encontraram a maioria das unidades de saúde com falta de vários medicamento como medicamentos para hipertensos e diabéticos, assim como, homeprazol, dipirona e outros essenciais e também receberam queixas da população no atendimento.

Através de Decreto, Prefeitura de Lagoa Grande(PE) vai contratar mais de 440 servidores

portal-de-lagoa-grande1-1-1024x576-1

A prefeitura de Lagoa Grande no sertão de Pernambuco, irá contratar 445 servidores, o decreto 007/2018, foi publicado na manhã  dessa quarta-feira (17). Os empregos serão disponibilizados pelas Secretaria Municipal de Educação, Assistência Social, Infraestrutura, Saúde,  Agricultura e o gabinete.

As secretarias de Saúde e Educação iram ficar com a quantidade maior de vagas, serão 137 para Seduc e 151 para Saúde. Segundo o decreto verificou-se a inexistência de diversos profissionais efetivos para ocuparem cargos imprescindíveis para a prestação dos serviços públicos, configurando assim um perigo eminente a continuidade do serviço público.

De acordo com o primeiro paragrafo do artigo um, nenhuma contratação será realizada sem atendimento aos pré – requisitos legais e formais, tampouco sem prévia solicitação do setor interessado e autorização do Chefe do Poder Executivo. O artigo dois diz que a duração pretendida para os contratos, de forma justificada, que trata o artigo anterior, será de no máximo 12 (doze) meses, podendo ser prorrogado por igual período, mediante celebração de termo aditivo, instruído com a respectiva e competente justificativa.

Veja a tabela completa dos cargos e a secretaria responsável pelas vagas.

I – Secretaria de Educação:

Professor para 100h –80

Professor para 200h – 20

Auxiliar Educacional – 20

Motorista – 07

Assistente Administrativo Educacional – 10

II – Secretaria de Assistência Social

Agente Administrativo – 13

Assistente Social – 04

Auxiliar de Serviços Gerais – 14

Digitador do CAD UNICO – 04

Educador Social – 12

Entrevistador do CAD ÚNICO – 04

Facilitador – 04

Motorista – 05

Psicólogo – 03

Orientador Social – 09

III – Secretaria de Obra e Infraestrutura:

Auxiliar de Serviços Gerais – 40;

Carpinteiro – 01;

Encanador – 01;

Eletricista – 04;

Gari – 20;

Operador de Máquina Leve – 04;

Pedreiro – 08;

Pintor – 04;

Podador – 04

Serralheiro – 01;

IV– Secretaria de Saúde

Assistente Social 02;

Artesão – 01

Auxiliar de Serviços Gerais – 15;

Auxiliar de Saúde Bucal – 10;

Auxiliar Administrativo – 20;

Cirurgião Dentista – 10;

Educador Físico 02;

Enfermeiro – 20;

Farmacêutico/Bioquímico – 02

Fisioterapeuta – 05;

Fonoaudiólogo – 02;

Médico Clínico Geral – 20;

Médico Psiquiatra – 02;

Médico Ginecologista – 02;

Médico Veterinário – 01;

Médico Ortopedista – 01;

Médico Ultrasonografista – 02;

Médico Urologista – 02;

Médico Cirurgião – 04;

Nutricionista 02;

Psicólogo 03;

Técnico em Informatica – 02;

Técnicos de enfermagem – 20

Terapeuta ocupacional – 01;

V – Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento do Interior

Encanador – 04;

Magarefes – 02;

Motorista Categoria AD – 04;

Operador de Retroescavadeira – 03;

Operador de PC – 03;

Operador de Motoniveladora – 02;

Tratorista – 03;

Técnico Agrícola – 02;

Vaqueiro – 03;

Vigia – 04;

VI – Gabinete

Motorista – 04;

Auxiliar Administrativo – 04;

Veja o decreto completo aqui.

Servidores da educação de Bodocó e Trindade sofrem com salários atrasados

Os servidores da educação, no município de Bodocó, estão revoltados com as últimas atitudes do prefeito da cidade, Túlio Alves (DEM). Com os salários de dezembro/2017 em atraso, eles pediram um esclarecimento a gestão municipal.

Diante das cobranças, os servidores obtiveram uma resposta, mesmo não sendo das melhores. A prefeitura de Bodocó informou que o pagamento foi efetuado nesta segunda-feira (15), mas só a metade. O restante será dividido em três parcelas: 9 de fevereiro, 9 de março e 10 de abril.

A prefeitura justifica não cumprimento do auxílio financeiro aos municípios por parte do Governo Federal e que o mês de dezembro, corresponde ao exercício do ano de 2017 e perante a Lei, não é permitido efetuar o pagamento com recursos do FUNDEB de 2018.

Na manhã desta segunda-feira os professores realizaram um ato protestando contra a atitude da prefeitura.

Trindade

Na capital do gesso, o problema é ainda maior. Há seis meses que a prefeitura não paga os funcionários contratados da educação. A informação é do Ministério Público de Pernambuco (MPPE). O prefeito da cidade, Dr. Everton Costa (PSB) tem dez dias para apresentar um calendário de pagamento.

(Por Bruno Morais)

Assassinato na BR 428 em Izacolandia em frente ao ponto das vans

111111
O Lagoa Grande Notícias recebeu agora a pouco que acaba de acontecer um assassinato em frente ao ponto das vans em Izacolandia.

O corpo de um homem morto por disparo de arma de fogo  identificado apenas como Boim de Nova Descoberta está no asfalto em frente ao ponto das vans.

 A policia Militar já está no local fazendo isolamento da área aguardando o IML.

Três pessoas são assinadas a bala no povoado do Serrote do Urubu, Zona Rural do Município de Petrolina

26940495_2260305263995257_1739721028_n

A comunidade do Serrote do Urubu no interior de Petrolina (PE) amanheceram perplexo na manhã desta terça-feira (16) com um triplo homicídio na pequena comunidade ribeirinha.

Policiais do 5º BPM foram acionados para verificar a informação de que na rua do Coqueiral no Serrote do Urubu, havia ocorrido um triplo homicídio , ao chegar no local constataram a veracidade da informação, onde foi relatado que 02 homens em uma motocicleta chagaram a residência e chamaram Expedito Henrique Sampaio, 42 anos, que atendeu ao chamado saindo para fora da residência e foi atingido por disparos de arma de fogo vindo a óbito, a senhora Severina Ana da Conceição, 76 anos e o adolescente Expedito Jamerson Silva Sampaio, 13 anos, saíram para provavelmente da auxilio a primeira vítima, e também foram assassinados. ( Blog Diário Popular).

Número de assassinatos cresce 58% no Governo Paulo Câmara, diz a oposição em nota enviada a imprensa

Resultado de imagem para assassinados e violencia

O número de assassinatos em Pernambuco cresceu 58% durante os três primeiros anos do Governo Paulo Câmara, saindo de um total de 3.434 homicídios em 2014 para 5.427 no ano passado.

Infelizmente, o Governo de Pernambuco tem se mostrado incapaz de reduzir esses índices, diferente de outros estados nordestinos, como a Paraíba, Alagoas e Piauí. Ao todo, nesses últimos 36 meses 13.795 pernambucanos foram mortos de maneira violenta, segundo dados da própria Secretaria de Defesa Social divulgados nesta segunda-feira (15).

Além do recorde de assassinatos, tivemos o maior volume de crimes violentos contra o patrimônio, com o registro de 119,7 mil roubos e assaltos, cinco mil ocorrências a mais que o total registrado em 2016. Foram registrados ainda 2.134 casos de estupro e 33.188 casos de violência doméstica contra a mulher.

A crescente violência em Pernambuco é reflexo, entre outros aspectos, do elevado déficit de homens nas Polícias Civil e Militar, baixo investimento em inteligência e em prevenção, além da falta de integração com os municípios e com o Governo Federal no combate à criminalidade.

Falta de transparência, de diálogo e de planejamento são algumas das críticas feitas por especialistas em segurança, como o sociólogo José Luiz Ratton, um dos idealizadores do Pacto pela Vida.

A Bancada de Oposição apresentou, ao longo de 2017, uma série de sugestões para o Governo do Estado no sentido de ajudar a combater à criminalidade. No entanto, até hoje, obteve apenas o silêncio como resposta. A Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) reafirma seu compromisso com Pernambuco e se coloca, mais uma vez, à disposição do governador Paulo Câmara para ajudar a construir uma alternativa que reduza os índices de violência em nosso Estado.

Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco

Silvio Costa Filho

Joel da Harpa

Teresa Leitão

Ouricuri: Avenida Presidente Kennedy e rua da Delegacia recebe operação Tapa-burraco

2-5

Esses são trabalhos rotineiros executados em vários trechos que se encontravam com calçamento danificado, dificultando a mobilidade urbana. “Além das melhorias no trânsito da nossa cidade, a operação tapa-buracos traz mais segurança aos pedestres e condutores”, ressalta o diretor de Obras Edmundo Cavalcante. O  investimento está sendo realizado com recursos próprios do Município. 

1-10

A operação tapa-buracos é ação permanente em toda cidade. Os moradores podem solicitar os serviços por meio da secretaria de Obras e Urbanismo. Ainda de acordo com o diretor de Obras, o serviço visa a qualidade das vias da cidade e contemplar de forma organizada o centro, e todos os bairros.

ASCOM